Skip to content

Pra quê morar em outro país se o Brasil é o melhor lugar do mundo?

28/02/2012

Lorna
Birmingham, Alabama -EUA
.

Se você é expatriado já deve ter ouvido isso. Bom, eu já ouvi. E não, a pessoa em questão nunca morou fora das fronteiras brasileiras, na verdade, morou sempre na mesma cidade. Sem conhecer outras possibilidades fica fácil tirar a conclusão do título acima, não?

Diante dessa situação se eu respondo “ah, o Brasil é um bom lugar, lindo de viver, mas precisa melhorar na qualidade de vida” sou taxada de mal agradecida, metida e ainda ouço desaforo. Se digo que eu não conheço muitos lugares para afirmar tal coisa viro A chata e se digo que realmente o Brasil é o melhor lugar do mundo, ouço um coro alto “sua louca!”. Sim, já testei as três possibilidades e agora digo a verdade: o Brasil é maravilhoso para tirar férias, mas no momento, aqui é melhor para viver.

E não me entenda errado, eu amo O Brasil. AMO! Sou uma expatriada que morre de saudades de casa. E se você me conhece já cansou de ouvir minhas lamentações saudosistas.  Saudade do cheiro de acarajé na paisagem do Rio Vermelho (sou de Salvador). Saudade das frutas gostosas o ano inteiro. Saudade do arco-íris de tons de pele e roupas diferentes nas ruas e óbvio, da minha familia. Mas parafraseando uma resposta nada amistosa que recebi esses dias: nesse meu Brasil, falta um monte de coisas. Faltava antes de eu mudar, agora que eu conheço na prática o que é segurança pública, por exemplo, como eu vou dizer que no Brasil não falta nada?! Eu sei que saudade dá uma visão romântica das coisas, mas não cega.

Digo mais, não é porque eu moro a 15 horas do Brasil que eu não posso criticar, afinal de contas, vivo falando mal daqui (porque acho que quase não falo bem do Alabama). Eu sempre tive o direito de criticar outros países sem nunca ter pisado o pé fora do Brasil, porque agora o direito de falar sobre a minha pátria parece ser assunto proibido com meus conterrâneos?

Sinceramente não sei se existe um melhor lugar do mundo, talvez até exista para passar férias, mas para morar acho meio difícil (ou eu ainda não encontrei). Agora a experiência de morar fora se aproxima do que eu acho perfeito. Em 2 anos, aprendi tanta coisa sobre o Brasil, os EUA e outras culturas. Sabe aquela coisa simples, tipo comer de garfo e faca? A gente nunca pensa muito a respeito, mas tem culturas que não utiliza a faca, ou como aqui no Alabama, que apesar da existência do instrumento, ninguém usa: o garfo corta os alimentos e o dedão vira apoio no meio do prato. Quem diria que o nosso “parabéns para você”  é cantado diferente nos estados (pelo menos na Bahia e em São Paulo)? Quem diria que seu comportamento “nato” de abraçar um amigo pode causar desconforto se ele for chinês? Quem diria que além de fast food os EUA tem comida orgânica e gente se exercitando as 5 da madruga em temperaturas negativas?

No final das contas, perfeito mesmo é fazer memória e ter historia para contar.

About these ads
60 Comentários leave one →
  1. Helen Mascarenhas permalink
    28/02/2012 9:59

    Muito viavel seu relato, ainda mais com a frase : ” saudade da uma visao romantica das coisas…” pura verdade! Estou na Noruega ha quase quatro meses, numa adaptacao dificilima por causa das baixas temperaturas , porem por opcao. A qualidade de vida aqui realmente e uma das melhores do mundo. Espero ainda escrever um post sobre superar a fase de adaptacao. Abracos

    • 28/02/2012 15:23

      Helen, o primeiro ano é bom pela novidade, mas trabalhoso para a adaptação. Eu estou começando a gostar daqui agora, mas você chega lá. Eu nunca pensei que iria me sentir adaptada aqui, mas a coisa está mudando.

      • Cristiane permalink
        13/03/2012 0:43

        Lorna, saber que está se adaptando me dá mais força pra ir sem tanto medo. (Estamos indo pros EUA com a família toda em abril, para uma temporada de estudos). Frio na barriga sempre dá, mas vou partir com fé de que, no final dará tudo certo.

      • 13/03/2012 1:16

        Bom, se for passar lá no blog vai ver como essa minha adaptação foi difícil e ainda tenho muito que me adaptar. Agora, com 2 anos de EUA é que eu começo a gostar das coisas. Mas olha, frio na barriga é normal e encontrar coisas ruins também, mas a experiência é muito boa. Boa mudança para vocês!

  2. 28/02/2012 10:26

    Esse tipo de reação que da titulo ao post é realmente muito frequente, e quando moramos fora o que mais ouvimos (principalmente das pessoas que fazem torcida organizada pra gente voltar) é que o Brasil ta otimo, mas quando vamos argumentar comparativamente com o lugar onde moramos acabamos descontruindo essa visão paradisiaca da terrinha, e quem nos apresenta o argumento de melhor lugar do mundo acaba concordando que sim, tem muita coisa pra melhorar ainda, mas so pra provar seu ponto de vista acaba encerrando a discussão apelando pra argumentos sem fundamento, do tipo “mas la vocês não tem tal coisa”. Ora, quando escolhemos sair do Brasil, escolhemos sabendo que abrimos mão de muita coisa, e decidimos viver vendo o copo meio cheio justamente pra lidar com determinadas faltas (que no meu caso, são as pessoas, amigos e família). Seu relato ilustra bem as questões da critica ao país, parece que enquanto expatriados perdemos esse direito, mas temos de ouvir nossos conhecidos se queixando de problemas que conhecemos. Não somos cegos aos problemas do país pra onde nos mudamos, mas inevitavelmente comparações serão feitas, principalmente quando nos deparamos com uma situação de vida mais confortavel, e aqui faço coro à questão dasegunrança pública. Belo relato!

    • 28/02/2012 15:26

      Obrigada pelo seu relato também, Natália. Bom saber que tem mais gente pensando assim.

  3. 28/02/2012 13:02

    As pessoas são muuuuito diferentes, por isso o que é bom pra um não necessariamente agrada ao outro. Se és feliz com sua ignorância, será tolice tornar-se um sábio.

    Lorna, meu primeiro emprego na Holanda foi num departamento de exportação de uma empresa grande. Muitos estrangeiros como colegas. Cada coisa estranha… Quanto mais eu rezava mais assombração me aparecia. Gente que comentava bem alto nas minhas costas que tinha “nojo de saber que eu escovava os dentes depois do almoço”. Ahn ? The world upside down. Comentei isso com um colega brasileiro e ele disse que desde que veio morar na Holanda passou a acreditar na mula sem cabeça (que solta fogo pelas ventas), no curupira, no boitatá, na dama de branco, no chupacabra. Ou seja: muito doidão, gente muito loka de toda parte da Europa como colegas. E isso numa empresa próspera, com um processo de seleção puxado. Muito fácil falar que são apenas “diferentes hábitos culturais”. Hoje do alto dos meus 40 e poucos anos eu vejo que gente brega, grossa e porca existe no mundo inteiro, mesmo advinda de países de alto desenvolvimento humano. Eu aprendi a considerar as pessoas como indivíduos, e não como membros de uma nacionalidade/país.

    • 28/02/2012 15:33

      Ana, quando eu falo que levo a escova e a pasta na bolsa muitos americanos ficam encantados. Algo tão comum no Brasil.
      Me diverti com as crenças do seu amigo e acho que é bem por aí mesmo, a gente se depara com cada coisa diferente. E essa sua visão está mais que certa, embora o meio influencie muito a pessoa, cada um tem um jeito diferente de ser.

      • Judy Kennedy permalink
        23/03/2012 23:52

        oi Lorna, conheço vc lá do blog do Renato. Não conheço a Europa mas conheço mtos europeus. Morei nos EUA e no Canada e digo q sendo America, ñ há mta dificuldade de adaptação agora os europeus, sempre me pareceram meio doidinhos. Países q sofreram tanto c/ a guerra teem reações mto diferentes. Eu ñ gostaria de morar na Europa. Bjs… judy

  4. 28/02/2012 14:13

    Quando alguém me solta a frase do título eu logo digo, se fosse tao bom quando vc fala nao teria tanta gente querendo sair. Moro na Alemanha há 3 anos e finalmente descobri o que é qualidade de vida. Um exemplo bem prático, com 50 euros, aproximadamente 120 reais, vou ao mercado e faco uma boa compra de queijos, leites, iogurtes, além dos demais alimentos para o resto da semana. No Brasil com a mesma quantia, eu nao conseguiria nem comprar os laticínios…… Aqui vejo os impostos serem bem aplicados. O problema nao é o Brasil, e sim os políticos que nós, o povo, elege. Os políticos e o comportamento deles reflete a sociedade e seus conceitos.

    • 28/02/2012 15:56

      Independente de morar aqui “para sempre”, voltar para o Brasil ou mudar para outro canto, o bom mesmo é a possibilidade de viver as coisas boas e ruins (porque a gente aprende) de cada lugar, afinal, apesar do queijo barato, você não toma o seu chimarrão. O que por um lado pode ser bom porque você experimenta outras coisas diferentes, por outra bate uma saudade (e vontade)!

      • 20/03/2012 10:46

        Claro, temos hábitos e costumes, e o lugar de onde viemos ajudou a moldar o nosso cárater e nossos gostos. Uma coisa que vc falou é bem verdade, a possibilidade é encantador, assim como as experiências boas e ruins.
        PS. Agora eu posso tomar chimarrao, encontrei uma loja que vende erva e da boa (erva de chimarrao, nao da outra, hehehehe)

      • 20/03/2012 11:08

        Ah, agora sim!

    • Rodrigo Pereira permalink
      13/12/2012 23:41

      A pior coisa do Brasil não é o País, são seus governantes!!! A corrupção é a pior do mundo, a insegurança é tremenda, os impostos são extremos!!! do que adianta: não temos terremoto nem furacão, mas convivemos com a corrupção que é um verdadeiro ASSALTO nos 365 dias do ano… Agora algo que entristece: Isso NUNCA VAI MUDAR!!!!

  5. Eduardo permalink
    28/02/2012 14:43

    Somente acho falha a falta de percepção do brasileiro para a necessidade de uma boa propaganda do Brasil para o mundo, quem houve um expatriado falando do Brasil acha que o Brasil é uma merd…, e sinceramente, apesar dos probelmas, que não são resolvidos pois os brasileiros fogem deles (não apenas saindo do país), o país é ótimo sim, talvez você aprenda um pouco de patriotismo com os estadunidenses. Já se perguntou oque você fez para o Brasil ser melhor? O que faz o país é o seu povo, e não se esqueça, você é brasileira onde quer que esteja.
    Ridícula essa imagem “keep calm and be brazilian”, o mais correto seria “keep calm and be baiano”, aliás, como fedem aquelas ruas de Salvador, que falta de capricho tem aquela gente. A qualidade de vida e segurança aqui em SC é excelente, quando queixar-se do Brasil, algo comum entre expatriados, lembre-se de como é grande e diversificado esse país e o pouco que você conhece dele, fale apenas por você.

    “Keep calm and be brazilian”… essa é boa, depois de tanto trabalho duro dessa gente brasileira, e você vem com esse slogan. Belo slogam para o Brasil, só podia ser baiana.

    Xinguei mesmo!

    • 28/02/2012 16:45

      Eduardo,

      Nao sei bem com que tipo de expatriado você anda, mas eu nao falo mal do Brasil por aqui, pelo contrário. Achei que tivesse deixado claro no post que amo o Brasil, que sinto saudade, mas que no momento, as experiências que estou tendo aqui me fazem querer ficar. Eu não saí do país para fugir dos problemas, saí para estudar, viver coisas novas e claro, ganhei muito outros problemas que nem sabiam existiam.

      Pelo seu comentário fica aparente que você não teve contato com os americanos. O tipo de patriotismo que vejo aqui é algo cego e sem crítica nenhuma. Felizmente, a educação que tive na Bahia faz o meu senso crítico presente sempre.

      Eu sinceramente não acredito que o que faz um país seja simplesmente o seu povo, mesmo porque, de forma geral, amo o povo brasileiro, mas não vejo tanta coisa boa refletida na política do país, pelo contrário. O que mostra que essa matemática simplória entre povo e país não está correta.

      Eu me pergunto, voce leu o post? Logo você que se diz “caprichoso”, deveria ter pelo menos lido.A imagem escolhida foi uma ironia explicada no primeiro parágrafo.

      é muita falta de inteligência da sua parte achar que me chamar de baiana é xingamento. Não é. Eu sou baiana mesmo. E você, que disse que eu só conheço a Bahia, baseado em nada, fica preso a imagem preconceituosa passada pela TV Globo sobre a Bahia. Quanto as ruas maus cheirosas, não tenho como negar, é verdade, mas tambem são maus cheirosas as ruas do seu estado e dos outros estados brasileiros, pelo menos os que eu tive a possibilidade de conhecer. Faz parte da lista das coisas maravilhosas que o Brasil tem :).

      Fiz questão de publicar seu post mal educado, carregado de preconceito (triste saber que tem gente que se acha melhor pelo fato de nascido em tal lugar, ter uma cor X etc, a gente sabe que o fim dessa história é feio) justamente para ratificar a minha conclusão em dizer que por enquanto, aqui está muito melhor.

      • 28/02/2012 17:19

        Sei que não tem nada a ver com o texto, mas é por culpa desse tipo de gente que depois todas nós, gaúchas (ou sulistas) somos taxadas de preconceituosas… Infelizmente o mundo está cheio de gente assim e a internet é um ótimo meio para colocarem sua irritação e preconceito para fora, já que não precisam mostrar a cara.

  6. 28/02/2012 15:00

    Norma
    Eu já visitei 11 países e em cada um dele ouvi a frase “Blá blá blá é o melhor país do mundo!” Foi então que comecei a pensar no assunto. Eu acredito que isso seja proveniente de um patriotismo um pouco cego. Não somente dos brasileiros. Sabemos de todos os problemas que a Itália e França estão passando. Mas deles também eu ouvi “A Itália é o melhor país do mundo! A Itália é o país mais lindo, é a melhor comida do mundo” e isso ouvi também de Frances, Espanhóis, Suíços, Alemães, Suécos, etc etc etc Não estou brincando, ouvi mesmo.
    Já ouvi também de cariocas que o Rio de Janeiro é super seguro, que é tudo invenção da mídea. De paulistas que SP é a melhor cidade pra se viver (pode?)…como se eu não conhecesse.
    Na minha faculdade tem um brasileiro jovem e o que ele fala do Brasil na sala de aula é como se o lugar fosse um verdadeiro paraíso. Também, jovem e filho de família rica, tem uma visão limitada, porque sempre viveu rodeado de segurança e não viu as mazelas da maioria da população.
    No mínimo a gente deveria ter a honestidade de parar pra pensar sobre isso e de onde isso vem. Eu tenho minha teoria da conspiração mas não irei mencioná-la porque já tomei muito tomate podre na cabeça, principalmente por aqui. Já até falaram aqui que eu não faço falta…(vindo de pessoas que eu nem conheço?)
    Quando eu avisei amigos, colegas de trabalho e conhecidos que estava deixando o Brasil fui chamado de louco, até de “traidor”. Mas em nenhum momento, essas pessoas param pra pensar que no Brasil somos traídos todos os dias pelo governo brasileiro.
    Os EUA tem problemas? Claroque tem. Tem cidades violentas? Claro que tem. Mas é diferente…Claro que pode acontecer coisas terríveis e acontece mesmo, porque a gente vê pela televisão. Mas as estatísticas e as chances são muito, muito menores do que no Brasil. Em SP eu vivia com medo. Aqui o medo não faz mais parte da minha rotina diária…o que em si já seria um bom motivo. Mas saiba que eu sinto falta de algumas coisas do Brasil sim, como família e amigos…mas acho que é só!

    • 28/02/2012 16:53

      Norma foi dureza! :)
      Eu so desculpo porque sei que voce esta super ocupado e arrumou um tempo para prestigiar esse post!
      Pois entao, qualquer cidade pode ser a melhor do mundo dependendo do que a pessoa ache que eh melhor. Eu entendo seu colega de faculdade, eu so falo maravilhas sobre o Brasil tambem, ate meu marido diz que eu pinto um quandro que nao existe. Acho que eh a tal saudade! Mas olha, quando os americanos sabem que no Brasil as pessoas tem 1 mes inteiro de ferias e 13 salarios anuais, eles sempre me perguntam o porque de eu ter saido de la (claro que como eles tem seguranca e educacao de graca, pensar em ganhar mais dinheiro eh natural).
      Renato, no Brasil, jah cheguei ao cumulo de ser assaltada no domingo e na segunda pela mesma pessoa em diferentes pontos da cidade, acredita? Essa sensacao que tenho aqui de esquecer carro aberto, chave na fechadura e dormir em paz, pra mim nao tem preco!

      Ps: meu teclado esta sem acento.

      • john permalink
        07/08/2012 0:47

        boa noite Lorna, saudacao
        Eu moro nos EEUU, gosto, tem “seguranca”, melhor que o nosso Brasil. Os EEUU e um pais feito pra o consumo, as coisas sao mais baratas que no Brasil, etc. Porem aqui tem 3 coisas que denigram profundamente a diginidade humana. 1 a Vivienda, a casa “numca e sua”, pois paga impostos absurdamente altos todos os anos, alem de dos seguros obrigatorios y absurdos en areas de risgo como California (cismos), Florida (furacoes). 2, Nao existe educacao superior gratuita, somente ate o segundo grau. Estudar aqui uma carreira universitaria e um privilegio para poucos e vc sabe disso. Uma pessoa aqui endividase com o governo o bancos pra poder estudar. 3, a Saude e cara, mesmo pagando e de ma qualidade. So tem “boa qualidade” de vida as pessoa aposentada que vivem do governo (Plano 8, Fullstamp, medicare, etc).
        Disculpem meu portugues, sou cubano, apaixonado pelo seu pais (ja moeri no Rio, atualmente estudo aqui)

    • Márcio permalink
      12/03/2012 13:02

      Mais uma vez concordo contigo, Renato. Também reconheço esse fato de que não apenas brasileiros acreditam que seu país seja o melhor do mundo para viver. Isso não é exclusividade nossa.

      E eu acho que até faço idéia da sua teoria a respeito, pois também tenho a minha.

      Com relação a brasileiros que tentam passar a imagem do Brasil como paraíso no exterior, percebo que, em sua maioria, são pessoas que tinham um padrão de vida elevado no Brasil e, por isso, não tinham que conviver diariamente com as mazelas no país.

      Eu não faço propaganda enganosa não. Quando me perguntam, digo a verdade, sem melhorar e sem piorar.

      Então é isso. Abraços!

  7. 28/02/2012 16:30

    Lorna, voltando ao assunto de “Brasil=melhor país do mundo”. Uma vez quando eu ainda não tinha vindo pra Holanda (lá por 1998) e meu atual marido holandês e eu estávamos numa festa de casamento, um amigo de um amigo nos ofereceu uma carona. No caminho, ele disse que já tinha visitado “o mundo inteiro” (oi ? na verdade só Miami e Paris) e que… tchan, tchan tchan… rufem os tambores… o melhor lugar do mundo era… O BRASIL !!
    Dias depois, o ex-marido de uma amiga (filho de membro da Marinha) que já tinha morado em alguns lugares da Europa, America Latina e Africa disse o mesmo. Há que se fazer um parênteses: esses dois cidadãos tem o seu negócio próprio (fazendas latifúndio), pagam uma miséria aos funcionários, adoram praia, pescaria, e falta de compromisso com as mulheres, corrompem a justiça. O melhor lugar do mundo pra eles então é o (pontinho, pontinho, pontinho).

  8. 28/02/2012 21:23

    Nossa, escrevi um pouco sobre isso ontem mesmo…do qt ando cansada dessa coisa cega de dizer que o Brasil é o melhor país do mundo. Ai, como isso cansa!

    nem sei o que dizer sobre a grosseria do rapaz mais ali em cima. To impressionada.
    Sinto mt. Eu nao teria sido tao educada como vc foi. Eu acho.

    Bjs

    • 28/02/2012 21:46

      Nina, fui lá ler o seu post e acabei lendo o da máquina de lavar, você é uma graça, viu!
      Acho tão legal a gente ter a oportunidade de vivenciar coisas novas e não ficar presa a velhas idéias. Permitir-se experimentar as coisas com olhos curiosos infantis. Tem gente que opta em ficar com as certezas e perde de aprender novas formas de ver e contextualizar o mundo, fazer o quê né?

      Bom, quanto ao cidadão lá em cima, o que posso dizer é que sinto dó de saber que tem gente que tem um pensamento carregado de preconceito e estereótipos, mas quando me formei fiz um juramento para combater esse tipo de comportamento, então a paciência -que não é interna- toma forma :)

  9. rita argolo bittencourt permalink
    01/03/2012 22:55

    Lo
    Acho muito corajoso as pessoas expressarem suas opiniões abertamente, pois podem ser alvo de indelicadezas e de duras críticas.

    O importante, prá mim, é que você é uma mulher muito corajosa, que apesar de já ter um mestrado, saiu da zona de conforto e se abriu a novas experiências (eu sei como o desconhecido pode ser assustador e paralisante). Saiu do Brasil em busca de mais conhecimento, de mais sabedoria. Talvez os mais apressados em seus julgamentos não percebam que o fato de vc estar buscando novas (in)formações pode fazer a diferença para o Brasil futuro.
    Sou sua fã nº 1.

    • 02/03/2012 15:37

      Bom, sou corajosa mesmo (e modesta)e não sei se vou fazer diferença no Brasil, mas que eu tento deixar minha marca nesse mundo, ah eu tento! E você, Dona Rita é meu braço direito nessa jornada! Lov u, mama!

  10. 09/03/2012 12:12

    Interessante! Outro dia minha manicure contou que quando alguém diz pra ela: “Porque você deixou o Brasil, que é um país tão lindo, pra vir morar aqui na Holanda?” A resposta dela: “Porque eu cansei de ver coisas bonitas, queria mudar um pouco a paisagem e ver coisas feias”… hahahahaha achei tão original! Mas o que ela quer dizer vai um pouco na linha do seu post…

    • 09/03/2012 15:37

      Adorei a resposta da sua manicure, vou usar também!

  11. 12/03/2012 11:40

    Q delícia de post, Lorna! Muita gente gosta mesmo de falar, geralmente falar do que não sabe.
    Sou muito parecida com vc. Meu marido fala que, pra mim, tudo q é do Brasil é melhor. AMO meu país, mas não sou cega! Em Fortaleza depois das 21:00 as pessoas podem ultrapassar o sinal vermelho (devagar), pq é perigoso ficar parado e um ladrão assaltar. Na primeira vez que vim pra cá (de visita) eu e marido, na época namorado, paramos num sinal vermelho as 2 da manhã. Não tinha sombra de carro, NADA e eu disse p ele: “Tu tá fazendo oq parado aqui? Não tem ng na rua, vai!”, foi qnd ele se tocou de que eu ainda tava com a mentalidade de uma fortalezense e explicou que alí não tinha perigo, que ng iria nos “atacar”.
    É uma pena… Ele ficava com raiva de mim pq no Brasil ele queria dirigir com a janela escancarada e eu n deixava… Sonho em um dia poder fazer tudo isso. Janela aberta, bolsa a tiracolo, falando no telefone NO MEIO DA RUA :O!!!
    Me diz Lorna, tô sonhando muito alto?…

    • 12/03/2012 12:22

      Rebeca, sinceramente eu também sonho com isso de sair de casa no Brasil com a certeza de que eu voltarei em paz. Hoje, isso parece distante, mas né, quem sabe.

    • Paulo Kasparian permalink
      25/09/2012 19:22

      Quem vê parece que somos assaltados todos os dias….aliás somos sim, pelos nossos governantes.

  12. anonimo permalink
    12/03/2012 21:11

    O Brasil está longe de ser perfeito porque acredito eu que uma nação não é feita apenas de seus governantes mas pelo seus cidadãos também.O Brasil tem péssimas estradas, , pouca segurança,desigualdade social ,crianças abandonadas nas ruas, corrupção e um povo ignorante que não se respeitam e nem respeitam os outros .Com um povo que gosta de ostentar o que tem para parecer melhor ou superior que o outro .Quanto aos Estados Unidos não é completamente perfeito mas as leis funcionam,as pessoas se respeitam mais e os americanos têm orgulho de sua raça, sua história e cultura valorizando sempre aqueles que fazem de sua nação um lugar melhor para todos enquanto que nosso povo brasileiro somente tem orgulho de mostrar que são brasileiros na copa quando vestem a camisa do Brasil para demostrar amor ao Brasil esquecendo de valorizar as as riquezas culturais ,meio ambiente,belezas e diversidades da nação brasileira.

    • 13/03/2012 1:14

      Anônimo,
      Também não é bem assim. Aqui nos EUA as pessoas vivem ostentando também, embora de forma diferente. A forma que o crédito americano foi configurado faz com que as pessoas vivam com dívidas, mas todo mundo carrega a bolsa louis vuitton a tiracolo. Aqui nem sempre o pessoal valoriza quem ajuda no desenvolvimento do país e o racismo é muito pesado (pelo menos aqui em Birmingham). Acho que o Brasil tem coisa boa, muita coisa boa, por sinal, mas tem um longo caminho para ser o melhor lugar do mundo.

      • Jane permalink
        05/05/2012 17:22

        Adorei vc. Mas tenho que mostrar um erro seu :” Aqui nos Eua as pessoas ostentam…blah..blah..blah…. TODO MUNDO endividado mas carregando bolsa vuitton…PARE! Exagerou! As pessoas que eu vejo nunca ostentam…as vezes moram em super mansoes de luxo e usam carro de 10 anos atras….no Brasil…meus parentes classe media BAIXA que gostam de ostentar….

      • 05/05/2012 17:30

        Jane, eu escrevi o que vejo aqui. Então, aqui as pessoas têm carrão e estão com suas bolsas de marca a tira-colo mesmo devendo horrores. Que bom que isso não acontece aí. Outra coisa, quem gosta de mostrar é quem não tem né? Quem tem não dá a mínima para isso.

      • Jane permalink
        05/05/2012 18:06

        Pois bem Lorna..vc deve morar numa parte dos EUA que nota-se um tipo de pessoas…eu moro numa parte dos EUA em que eu vejo as pessoas batalhadoras,educadissimas e mais simples. Eu vou as lojas mais populares e eu encontro pessoas..que eu sei nao sao pobres….tudo comprando produtos na liquidacao..falar a verdade…a ultima vez que vi bolsa Louis Vuitton foi no Brasil mesmo. Fica a dica! Beijos querida e muitas felicidades na terra do Tio Sam.

  13. 20/03/2012 2:27

    Tem outro detalhe..a pessoa vem e pergunta…”Como eh morar em tal lugar” ai vc comeca a falar ..geralmente comenta so sobre as coisas boas, entao a pessoa comeca a entender que vc esta desfazendo do brasil e parece que se revolta…e comca a dizar aqui eh melhor e a frase costumeira…”nao troco brasil por nada”‘….hehehehehehe…mas so que quando eu falo que estou voltando me fazem uma lista do que qeurem que eu traga…kkkkk vai enteder esses tupiniquins.

  14. 21/03/2012 19:45

    Quem se lembra da frase:Brasil,ame-o ou deixe-o?
    Frase com que a ditadura militar tentava mexer no orgulho de brasileiros e os fizesse defender contra quem criticava o Brasil nos anos da ditadura.

    Essa mesma frase,eu,a Lorna e outros expatriados escutamos ao falarmos de coisas obvias passiveis de critica no Brasil.Parece que nao podemos.Censura?Morar fora do Brasil nao deixa voce menos brasileiro.E criticar coisas obvias passiveis de critica do novo pais também é uma coisa obvia e tambèm é um direito justo.Errado é ficar cego e fingir que tudo é maravilha.

    Eu faço isso com certa objetividade e bom senso.Porém aqui noto duas coisas:
    -Muito estrangeiro vai ao Brasil e senta o pau em tudo o que nao é diferença cultural e nem passivel de critica.Sei de pessoas de um tal pais da bota,na Europa,que criticam o pais por ter sol,pelo povo ser um pouco mais alegre,por fazerem amizade facil(esse foi o comentario da namorada estrangeira de um amigo meu aqui).Mas os brazucas,que idealizam o exterior como terra prometida,dizem amém,mesmo que o critico venha de um pais muito similar ao Brasil.
    -Se um brazuca começa a abrir os olhos do povo que nem tudo que reluz é ouro no exterior,leva dura. O brazuca comporta-se como aquela garota que sabe que o cara é o cafajeste mas sai com ele para muda-lo ou por sair.Depois se lamenta e culpa o mundo dos atos que vez por vontade propria.
    -Por ultimo,normal cada um puxar a brasa pro seu assado.O problema é exagerar nisso sem bom senso.E enquanto aqui uns sao megalomaniacos,o brasileiro é o contrario.Adora dizer que no seu pais so tem coisa ruim.Se fosse assim,muito espanhol,norte-americano,italiano,ingles etc e etc nao teria se mudado pro Brasil.Qualidade de vida nao é so $$.Para muitos é sol,fazer amigos entre outras coisas.

    Nao é nada a ver com o post mas gostaria de saber da opiniao do pessoal que tambèm reside fora do Brasil o que acham da reciprosidade do governo brasileiro que esta aplicando aos espanhois em represalia ao terem barrados brasileiros no aeroporto da Espanha.

    • Paulo Kasparian permalink
      25/09/2012 19:16

      Gostei da frase ….qualidade de vida não é só dinheiro…..muito bem postado, vou um pouco mais além, ….não precisamos de muito pra ser feliz.

    • Paulo Kasparian permalink
      25/09/2012 19:27

      A mãe de um amigo inglês não quis conhecer o Brasil, pq aqui tem muita água…., na sua casa no banho, eles encham a banheira, e todos da família tomam banho na mesma água….o último sai mais sujo que quando entrou…rsss

  15. 21/03/2012 20:06

    Bem eu tb nao sei onde fica o lugar perfeito pra se morar porque perfeito pra mim é do lado da minha familia e amigos + com certeza eu sei que a Colombia no momento é melhor pra mim que o Brasil, aqui temos condicoes financeiras melhor, temos + seguranca (incrivel isso né ?), temos + qualidade de vida… sabe que eu entendo esses brasileiros que nao aceitam resposta nenhuma é tipo assim só eu posso falar mal do meu Brasil rsrsrsr… + a verdade é que quem ainda nao viveu fora nao tem muita ideia do que é, a Globo Internacional passa um comercial muito bacana dizendo que todo mundo tinha que passar por essa experiência pra entender como é difícil + enriquecedora e também pra aprender a dar valor a coisas pequenas como um abraco mesmo… bjs muito bacana o texto !!!

  16. 23/03/2012 20:00

    Não morei fora, mas já conheci outros países, e achei muito interessante a sua visão de querer compartilhar outras realidades – e não impor a sua “brasilidade” ao seu amigo chinês …. não ser melhor nem pior, apenas diferente!

  17. 29/03/2012 6:12

    gostei :)

  18. Lucido permalink
    30/05/2012 16:13

    Não sei se é porque sou Brasileiro, ou se é por causa do Brasil, de fato, ser um dos melhores países do mundo sim.

    Claro que existe a corrupção enraizada que provavelmente não será expurgada nunca, a não ser talvez com uma “intervenção Extra-Terrestre”, como se lê pela internets da vida, vários problemas de infra-estrutura, organizacionais, culturais, etc… o Brasil ainda é um dos melhores países do mundo. Uma beleza natural magniífica…

    Com a posição condenada de celeiro do mundo, frutas e legumes e gatos e lebres para degustação fresca. Um povo ignorante, mal-educado, mas divertido, otimista.

    Comparem com a centena de países miseráveis como o nosso e verá que somos um dos melhores. Tudo bem que sendo a 6ª economia do mundo torna todos os defeitos muito mais tristes, os governantes muito mais sem escrúpulos que a maioria da “nata” mundial, mas ainda assim, comparem com os outros países: Japão – mulheres que tapam a boca para rir x Brasil: mulheres desdentadas arreganhando a boca para fugir da tristeza da miséria; Oriente Médio: mulheres enroladas em lençois pretos x Brasil: mulheres gordas de cangas na praia; EUA Europa: mulheres de calçolão nas praias x Brasil: mulheres grávidas de fio dental nas praias.

    Praias lindas. Cachoeiras belíssimas. O Brasil é muito bom.

    Compare a beleza rica verde do Brasil (não a desmatada Amazônia) e o deserto árido do Sahara…

    Eu moro no Brasil. Detesto esse lugar, mas temos charme. E boa disposição.

    Apesar da enorme corrupção e comportamento criminoso de milhões.

    Flexibilidade na procura da Liberdade. (mesmo que seja somente para si, e si somente)

  19. Barbara permalink
    06/07/2012 18:45

    Meu sonho e sair desse pais, e ir para os EUA, não que eu não goste do Brasil, mas não é o melhor lugar do mundo para se viver…

    • roberto permalink
      27/08/2012 1:23

      só espero que quando acontecer algum atentado terrorista, terremotos, tsunames, não voltem com o rabo entre as pernas trazidos pelo hecules,dizendo que aqui eh o meu lugar do mundo!!

  20. Ana permalink
    06/08/2012 20:24

    Meu Deus, quando eu vejo esses Blogs de puxa-sacos dos Estado Unidos me da vontade de chorar e vomitar como nos tempo em que vivi la, chorava dia e noite nesse lugar horrivel, onde mesmo falando ingles voce nao consegue se defender ou defense your self, as pessoas la tem o dom natural de humilhar os outros apenas pelo olhar ou pela ignorancia, sao tao preocupados com si mesmos que acabam morrendo sozinhos em casa e muitas vezes demoram dias para descobrir o corpo como eu cheguei a ver… Esses brasileiros que foram para la se deslumbraram por que a maioria vem de cidades grandes onde se e um caos, de lugares onde a violencia matou-lhe os sonhos e fez ter raiva pelo seu pais e fugir a luta. Acho incrivel voce falar de um pais sem conhece-lo direito, com certeza esses brasileiros que moram la nunca viajaram pelo seu proprio pais. Eu e meu marido fizemos um tour pelos Estados Unidos inteiro e posso dizer de conhecimento proprio que nao existe um so lugar la que gostaria de passar ao menos um tempo de minha vida. Eu chegava chorando do trabalho todos os dias, quando vivi la por ver que as pessoas davam mais importancia a animais do que pessoas.Tentei ser voluntaria la para ver se me integrava a sociedade que nada, ninguem para para te ouvir ou sequer tentar se comunicar… O ser humano e desprezado, os lacos familiares nao existem, o maximo que voce ve e um pai mimando uma filha e essa depois querer ser uma tao independente e mandar no marido, agora olhem dentro de suas casas, a imundicie e a desculpa trabalho fora,(as mulheres no Brasil tambem trabalham fora e a maioria das casas sao impecaveis) dizem que as casas das pessoas refletem o que elas sao por dentro. Sei que no Brasil existem pessoas porcas(mas essas geralmente sao doentes, depressivas), agora voce ve a casa das americanas elas nao tem um pingo de zelo, dao qualquer porcaria para os filhos comerem, nao buscam frutas e alimentos frescos para preparem a comida de seus entes queridos, nao amamentam os bebes,… me fala viver e ter muito dinheiro e ir ao banheiro de carro, por que poucos la usam os pes e nao ter nem o prazer de comer bem e decentemente? Agora fala de comida organica, se voce for num pasto e comer junto com os bois e cavalos acho que o gosto devera ser melhor do que da comida organica de la. Voces ja foram em restaurantes de comida organcia no Brasil, como e gostoso, caprichado, temperado, la nos E.U.A e o mesmo que voce ir numa floresta e comer mato. Se voces vissem com eu vi as pessoas prepararem os alimentos em restaurante eu lhes garanto um fazendeiro no Brasil poe racao para os animais com muito mais esmero do que eles preparam as comidas la, so isso faz a gente se sentir um lixo pois ainda tem que pagar por essa gosma. O pior e que ninguem tem tempo para nada e os puxa-saco brasileiros que moram la que com certeza devem viverem a custa de algum beneficio do governo e tem tempo para ficar em casa ou sair de lugar a lugar garimpando uma possivel comida proxima a real e cozinharem em casa, por que se voce trabalha, estuda, chega em casa um trapo, pessimo por que nao tem a oportunidade nem de se comunicar de verdade com ninguem(bater um papo) se sentido pior do que um animal escravizado por essa cultura que so quer impor e nao respeita as diferencas dos seres humanos em si, vai voce para cozinha se quiser comer algo que preste, isso se voce teve tempo de ir ao supermecado, por que os defensores de plantao dizem que podemos sim viver nos E.U.A e so cozinhar, sendo que os proprios americanos nao cozinham. Tem o ditado: “Voce e aquilo que voce come”, so por isso da para entender um pouco o que os americanos sao? Agora para quem quer ser dependente, viver as custas de governo e nunca ter liberdade, viver de aparencias e maravilhoso, mas com certeza eles morrem a cada dia um pouco nesse lugar que esta dando fim a todos os valores humanos e o inicio do fim do mundo.

  21. Ana permalink
    08/08/2012 19:13

    LEIAM O BLOG “ESCRAVAS MODERNAS NOS ESTADOS UNIDOS”

  22. wagner permalink
    09/09/2012 6:39

    vou ser bem sincero, eu gosto do clima do Brasil e da hospitalidade do povo brasileiro, ams sinceramente meu sonho é SUMIR deste país, eu não gosato do Brasil, aqui não existe justiça de verdade, nem educação, bons hospitais,bons asfaltos, impostos baixos, salários mínimos baixos, mídia verdadeira, enfim o Brasil é um país errado e eu não vejo a hora de me mudar daqui, porque se depender dessa “juventude” de hoje, este país vai estar perdido e sem concerto daqui 20 anos!

  23. marcos permalink
    25/09/2012 16:15

    Sinceramente, estive em algumas cidades da Inglaterra em temporadas passadas, Leicester, Blackpool, Manchester e claro Londres, e, Blackpool ( que lugar lindo) por exemplo cheguei a ficar por lá quase 2 anos, mas infelizmente tive que voltar pro Brazil, por razões profissionais, Me desculpe, mas acho um absurdo alguem dizer que aqui é o melhor lugar do mundo pra se viver, gente, é só abrir os jornais todos os dias e temos assassinatos, violencia no transito, hospitais sem recursos, escolas ídem, entre outras mazelas brasileiras…..aaaahhhhh pelo amor de Deus nééééééé´, estou só desfazendo meus negocios e voltando, agora em definitivo pra Inglaterra e aqui nunca mais piso. Adeeeeuuuuuuuussssssssss demagogos imbeciiiiiiiiissssss.

  24. Paulo Kasparian permalink
    25/09/2012 19:00

    Ainda não sai do país e sinceramente não pretendo, meus pais e avós vieram fugidos da guerra e alguns voltaram para passear em suas cidades natal, mas não pensaram em nenhum momento ficarem por lá, adoram o Brasil.
    Gente, todos os países tem seus problemas o nosso é a segurança e a desigualdade e péssimos governantes que nós mesmo elegemos. Mas o que vejo que brasileiro paga pau demais para europeu e americano, vou dar um simples exemplo, aqui você se forma em uma faculdade, e se não arruma emprego não aceita trabalhar em alguma coisa mais braçal, ai quando vai para Europa e EUA, aceita tudo o que vier, lava banheiro, pintor, pedreiro o que precisar você aceita.
    Vejo em muita gente que o ego de se falar que mora na Europa ou EUA, é muito grande, garanto que se muito dessas pessoas fossem ganhar um bom salário na Bolivia ou Paraguai, jamais iriam, e nem pensariam em segurança, qualidade de vida ….., simplesmente que nesses países não da ibope pro seu ego.
    Outro exemplo que tenho, brasileiro recebe bem um Americano, ou Europeu, mas não recebemos bem nenhum latino, se for boliviano, paraguaio então…..
    O que falta no mundo inteiro é humildade de reconhecer que somos todos seres humanos, e que moramos no mesmo planeta, mas o que se vê, é que as pessoas criam seu próprio mundinho e se acham o dono da razão, não temos a capacidade de ajudar nem um vizinho, quanto mais ajudar um estranho que não fala a nossa língua.
    Somos um país abençoado, um país com um pouco mais de 500 anos, somos filiais da Italia, Portugal, Japão, Alemanha…..O ideal é que todos se respeitassem, fossem mais humildes nas atitudes, e teríamos um mundo melhor para todo o planeta.

    • Fernanda permalink
      22/07/2013 3:40

      Paulo, tbm sou neta de imigrantes…meu avô era Romeno e minha vó Italiana…..ambos me diziam desde criança que o Brasil era um país maravilhoso…eu perguntava o pq…e eles me diziam…aqui tudo que planta cresce, tem pasto – assim há carne, além do clima….por isso meus avos chamavam o Brasil do melhor país do mundo….devemos entender que principalmente meu avô que veio de um país que fica embaixo da neve quase o ano inteiro (só para os que não sabem a Romênia foi um país da antiga União Soviética), o Brasil é um paraíso neh….meu avô morou no Uruguai e Argentina tbm (claro que ele não sabia a lingua de nenhum desses países inclusive o português – aprendeu na raça mesmo como dizem, pois foi na convivência).

      Tenho vontade de morar em outro país sim, mas mais para crescimento pessoal e intenção de estudar. Não venho de um berço de ouro, meus avos sofreram mto para terem um negócio próprio. Nisso eu vejo nas pessoas que conheço que moram em outros países, batalham muito para conquistarem algo.

      Quero dizer apenas que o melhor não é o país e sim o que você necessita suprir, como comentei o pq do meu avô achar o Brasil um país maravilhoso e nunca quis voltar ao seu país de origem.

      Desejo tudo de bom aos que foram e aos que aqui permanecem, pois quem ta fora tem que encarar outros problemas como a falta de familiares próximo, mas os daqui tem que enfrentar problemas como a corrupção de políticos.

      Lo, gostei do seu post e eu devo dizer que não critico quem saiu do Brasil cada um tem uma meta e um sonho….mas amo o meu país e o defendo, pois já ouvi muito estrangeiro que aqui vivem metendo o pau no Brasil e vangloriando seu país de origem e sempre que ouço isso digo…voltem para seu país se aqui não tá bom!!!

      Bjks e Sucesso!!!

  25. 04/01/2013 4:00

    Acho isso de melhor pais do mundo muito relativo…..assim como qualidade de vida. Para uns qualidade de vida e pode comprar camisa da Tomy pela metade do preço, comprar uma Ranger mais barata que no Brasil e usar 5 vezes mais gasolina so para ir trabalhar, embora a gasolina seja mais barata. É andar em ruas impecavelmente limpas e nao escovar os dentes ou tomar banho todos os dias… Além de comer Mc sem precisar guardanapo. Ou ainda ou sair de casa e nao ser incomodado por alguém te dando bom dia e te elogiando pela sua bolsa da Ralph Lauren. Ou ter que pagar 60.000 dólares para poder estudar numa instituição superior de qualidade (nao e gratuita como no Brasil) ou pagar um absurdo de imposto pro governo pra ter direito a saúde. Vamos ser justos e dizer também que isso nao é verdade para 100% dos gringos.

    Moro nos Estados unidos a dois anos e já morei no norte e no Sul do pais, onde você claramente vê a diferença de comportamento das pessoas e de “qualidade de vida” como voces estao dizendo. (No Brazil você vê a mesma divisão entre norte e Sul) cada um com seus defeitos e qualidades. O fato é que sabemos muito pouco do Brasil, nascemos com a idéia de que o que é importado é que é bom (é chique). Nos nao valorizamos o que temos.

    É mais fino tomar tequila ou whisky do que cachaça. Os perfumes francês são melhores que os brasileiros (quem disse????) ou o Mc donalds é melhor que o hambúrguer que vc come na esquina ( nao mesmo). Que a educação superior no Brasil é ruim…. Eu nao troco a minha formação no Brasil pela americana ( pelo menos nao na minha área) e nao tirei um centavo do bolso p estudar ( só com os Xerox de apostila e claro).

    Lógico que o Brasil tem que melhorar em muitas coisas e ta muito longe do ideal. A educação básica eh ridícula as estradas e meios de locomoção para pessoas e cargas são do inicio da década de 80… Sem falar da corrupção que na verdade eh a causa disso tudo.

    O que eu tenho pra mim eh que muita gente vê no exterior uma espécie de fuga para tudo tem de errado no Brasil. Eh realmente frustrante vc ser roubado na cara dura pelo governo que ainda ri da sua cara, mas fugi do problema nao vai resolver, muito menos criticar o pais e nao fazer nada para resolver.

    Aqui nos estados unidos os estudantes quando formam DOAM quantias gigantes de dinheiro para as universidades ou pessoas são voluntárias nos hospitais e creches e cobram do governo quando tem algo que nao esta indo bem… No Brasil o que a gente faz??? Vai pros Estados Unidos falar mal do Brasil e manda quem ficou se f*

    Novamente nao são todos e também nao precisamos tampar o sol com a peneira. Mas roupa suja se lava em casa e temos sim muitas coisas boas para mostrar. Temos um código florestal que embora tenha ainda que melhorar é o melhor do planeta. Temos os melhores cirurgiões esteticistas e cardíacos e os gringas vão se tratar aí. A maioria tecnologia de engenharia de petróleo no oceano é desenvolvida no Brasil. Temos o povo mais empreendedor do planeta e somos referencia em produção e eficiência agrícola. …. E por aí vai. Se você pensar um pouco mais vai lembrar de outras coisas tb.

    Quem mora aqui nos Estados Unidos sabe bem que nao é exatamente o que Hollywood mostra mas você nao ve muito americano com mimimi reclamando… Eles agem quando ve algo que nao ta certo.

    Eu já ouvi de dois americanos diferentes…. Um que diz que os brasileiros são desorganizados (na fila por exemplo) …. De outro que os brasileiros são uns dos melhores funcionários da empresa porque entregam os trabalhos com a melhor qualidade a empresa. Bom, que imagem vcs querem passar pros gringos? Nao só do Brasil, mas de vcs próprios?

    Nos vamos ficar de mimimi porque nao podemos comprar um IPhone ou vamo fazer alguma coisa p mudar essa zorra?

  26. Ana Paula permalink
    20/01/2013 22:46

    EU pen so que a verdade e ..o Brasil nao e bom para brasileiro sem dinheiro,,,,,,o que e a maioria,,,,,,,,e o melhor pais do mundo para se viver se VC Pagar a Sua educacao, a sua saude, a sua seguranca……..nao pode esperar nada do governo, embora pague caro em impostos. Estrangeiro adoraaaaaaa o Brasil porque aqui adoramos os “gringos”, porem, muitas vezes a reciproca nao e verdadeira. Estrangeiro adora gastar os super valorizados EUROS e DOLARES aqui, que tem muita farra e impunidade, na mesma proporcao.
    E facil falar que O BRASIL E O MELHOR pais para se viver quando se est a la fora, bem longer ganhando em euro, dollar, yens, Marco ….. com as unicas preocupacoes de enfrentar o frio e a saudade………pense em um pais que milhares de pais de familia tem que enfrentar Desemprego, hospitais falidos e criminalidade…..num pais, claro, com um clima tao agradavel…….como se is so fosse o suficiente…a e! Nao tem
    Guerra, ne? Mas o que morre de gente! Sou brasileira, ganho mal, e se EU tivesse um a oportunidade correria para bem longer deste pais…. nem olharia para tras, ou melhor, olharia sim, has min as ferias para gastar me us euros….

  27. Francisco permalink
    09/09/2013 3:43

    Lorna, te falo de verdade, eu troco com voce agora pois se pudesse moraria em qualquer parte dos EUA, tenho uma bandeira americana hasteada na parede de meu escritório. Odeio ter que viver no Brasil e olha que moro no Sul, que a qualidade de vida eh considerada “melhor”. Aqui se paga o dobro do preço por tudo, virou terra de bandidos onde não existe lei, as pessoas estão extremamente mal educadas, não se respeita nem mais fila de supermercado que já aparece alguem que quer agredir ou te xingar. Ou seja, esta cada vez pior a cada ano que passa. Ainda bem que eu não tenho filhos para criar aqui.

  28. mario permalink
    20/10/2013 14:51

    oi, td, eu sou argentino e eu quero morar no Brasil. Vocé fala que Brasil é bon para tirar férias, mas nao é bon para viver (outro pais é melhor, vocé disse). Eu acho que entendi do que vocé está falando ahim: Brasil é o pais abençoado por Deus, é mesmo, entao quando vocé nao tem nada, nem obrigaçao, nem certeza, nem nada, vocé fica dum jeito ótimo… Mas… eu acho também o Brasil tem o lado ativo super legal: vocé tem uma cultura super avançada que nao tem em outras culturas, tem uma alegria no compartilhar que é única, tem um jeito de dar ajuda que eu nao conheço em outro pais, todo isso na vida cotidiana, e além disso, o mais importante, a originalidade, so o amor da a originalidade.

  29. Luciano permalink
    18/11/2013 12:47

    Acho muito relativo o conceito “Brasil – Melhor pais do mundo”. Pois hà holandeses que dizem que a Holanda è o melhor pais, hà suecos que dizem que è a Suècia, hà mexicanos que dizem que è o Mèxico, hà uruguaios que dizem è o Uruguai e por ai vai.

    Entao acho o seguinte…que o melhor pais do mundo è o pais onde voce se sente bem.

  30. 17/12/2013 19:52

    Post antigo, mas eu gostaria de desabafar em algum lugar.
    Eu moro no Rio de Janeiro.
    Para os cariocas, esta é a melhor cidade do mundo. Eles têm família e amigos de infância aqui. Tem contatos, estão acostumados com o lugar, enfim, simplesmente amam.
    Nossos amigos gringos que moram aqui (expatriados patrocinados por empresas multinacionais) adoram o Rio e acham o melhor lugar do mundo. As empresas pagam aluguel para eles no bairro mais caro da cidade, motorista particular com carro blindado, escola para os filhos e outras ajudas de custo. Fica fácil gostar do Rio assim.
    Mas eu não sou carioca, nem meu marido. Estamos aqui porque a área profissional dele só oferece vaga no Rio, e em nenhum outro lugar do Brasil. Moramos num ap alugado que é caríssimo, apesar de ser velho e mal localizado. Não temos família aqui, nem grandes amigos e eu não consigo um emprego decente na minha área. Estamos loucos para ir embora do Rio (e consequentemente, do Brasil). Ninguém nos entende! Olham pra nós como se fossemos loucos.
    Eu nasci no Rio Grande do Sul, já morei em Santa Catarina, São Paulo, Rio e nos EUA. Mudar faz a gente ficar mais crítico, não adianta. Eu me esforço todos os dias para ver o lado positivo do Rio (e do Brasil), mas parece que para viver bem aqui, é preciso ser muito muito rico, e fingir não ver a pobreza. No caso do Rio, ajuda gostar do estilo de vida de barzinho/praia/malhação. Não é o meu caso. Sou caseira e quero viver numa cidade pequena e tranquila, perto da natureza, com um pouco de conforto e segurança. Mas parece que isso é impossível para a classe média no Rio (e em outras capitais no Brasil). Tudo é muito caro e inacessível. Qualquer conforto básico é artigo de luxo por aqui. E nas cidades pequenas falta emprego e infraestrutura.
    Estamos tentando imigrar para o Canadá, para uma cidade média, onde parece haver emprego para nós dois e a princípio, tem tudo o que gostaríamos que tivesse. Já moramos longe da família há 10 anos, não faz diferença pra nós estar um pouco mais longe. Assim como viemos parar no Rio, vamos para o Canadá em busca de oportunidades melhores. Mas os brasileiros se ofendem muito com nossos planos de imigração. Parece que estamos traindo a pátria. Eu evito falar sobre nossos planos. É duro não poder conversar com as pessoas, mas prefiro ficar quieta a fazer inimigos, infelizmente.

  31. Marcus permalink
    30/12/2013 21:40

    Você já fez um pulinho aqui na Itália? Clima ótimo, paisagens lindas, cidades maravilhosas, montanhas, mar limpo e ótima comida. Em fato de governo e de pessoas não posso dizer que e’ sempre bom kkkk…mais nem no Brasil e’ a mesma coisa…

  32. Anthony Escobedo permalink
    25/01/2014 18:13

    Olá Lorna, achei esse blog hoje e gostaria de dar parabéns. Gostei. Sou norteamericano, de Houston, Texas e moro em Salvador, Bahia, há 5 anos. Cheguei aqui sem conhecer ninguém nem conhecia bem a cidade (eu tinha visitado em 2004 de férias) Comecei aqui dando aulas de inglês particulares e vendo cerveja na praia (na Barra). Aí, vi o lado dos ricos (meus alunos que queriam um professor falante nativo de inglês) e o lado do povão (sendo q eu tb era do povão quando o dinheiro acabou e eu tinha q me virar). Mas não desisti. Hoje em dia, a minha situação financeira melhorou bastante. Vejo tudo que passei como um investimento pra minha vida, pois fui melhorando meu português (uma meta minha já que me formei em espanhol e português nos eua e não quis esquecer) e hoje em dia vejo o mundo de uma forma diferente. Isso o dinheiro não compra. Apesar da violência e o risco de ser assaltado (graças a deus que dentro dos 5 anos estou aqui, nunca fui assaltado), gosto daqui. Gosto do povo baiano, pois sabem viver (os americanos sempre andam com pressa, aqui não). Claro que tem muita ignorância, mas tem isso em qualquer lugar do mundo. Gosto das frutas, como vc disse no seu blog, aqui tem muitas frutas o ano todo. Atualmente moro em Itapuã, em frente do Largo da Cira (o acarajé da Cira fica em frente da minha casa, mas admito q como pouco, prefiro o beiju q fica ao lado) e além da praia, tem tudo que preciso aqui perto. Ontem mesmo fui comprar frutas e legumes aqui perto (ao lado do mercado do peixe de itapuã) e comprei 8 goiaba, 7 tomate, 7 cebola, cheio verde, couve, 1 mamão formosa e 1 couve flor…tudo isso por R$15,00. (US$6,25). São as pequenas coisas assim que agradeço, pois aqui me alimento bem e barato. Pago R$700 por mês no aluguel, mais condomínio (dá menos de US$400) e apt é bom, tem varanda e o dono cuida bem do imóvel. Não se acha aluguel por esse valor na maioria das cidades nos EUA. Pretendo comprar uma casa nos próximos anos, mas por enquanto, a moradia está ótima. Claro que tem as coisas mais caras aqui, tipo os carros e electrônicos, mas nenhum lugar é perfeito né. Nem sei se irei voltar pros eua pra morar, mas as vezes sinto vontade, pois mesmo falando português, há coisas que nem sempre entendo (i.e. as brincadeiras e o senso de humor) e sinto saudades das sutilidades de inglês e da cultura norteamericana. Bom falei bastante, só quero deixar claro a experiência de cada pessoa é diferente, né. O que é bom pra mim, talvez não seja pro próximo, pois todos nós temos circunstâncias diferentes. Aproveita da sua experiência nos eua. Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 931 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: